TCE-PI participa de ação no Dia Internacional Contra a Corrupção

A Rede de Controle da Gestão Pública realizou na manhã desta segunda-feira (09) uma blitz educativa na frente do Ministério Público Federal para estimular o combate e prevenção da corrupção. A ação envolveu diversos órgãos de controle, uma equipe do Tribunal de Contas do Estado do Piauí abordou os motoristas explicando a importância da participação da sociedade e informando os canais de comunicação para denúncias.

Outros postos da PRF fixados nas cidades piauienses de Parnaíba, Floriano, Picos, Valença, Alegrete, Bom Jesus, Campo Maior e Piripiri também foram incluídos nas abordagens para a entrega do material intitulado  “Prevenir e combater a corrupção é missão de todos”.

Após a blitz, a Rede de Controle reuniu a imprensa para apresentar um balanço das ações realizadas nos últimos anos e estratégias para o futuro no combate à corrupção. O auditor de controle externo do TCE-PI, Inaldo Oliveira fez uma prestação de contas das ações envolvendo a Rede de Controle que resultaram em um combate efetivo à corrupção.

“A integração desses órgãos é fundamental na luta contra os desvios de recursos públicos, mas principalmente queremos enfatizar a importância da prevenção, da participação da sociedade no combate”, destacou Inaldo.

O secretário do Tribunal de Contas da União, Luís Emílio Xavier, apresentou dados de que R$ 200 bilhões ao ano são perdidos com esquemas de corrupção no Brasil e que 2,3% PIB é o custo estimado do curso da corrupção no país.  

Dia 9 de dezembro é o Dia Internacional contra a Corrupção. A ideia da estratégia nacional surgiu após a divulgação de ranking da corrupção do Fórum Econômico Mundial de 2017, no qual o Brasil foi classificado como o quarto país mais corrupto do mundo, e de índice de percepção da corrupção da Transparência Internacional, que trouxe o Brasil na 105ª posição entre 180 países.